Acreditavam que o Espírito Santo estava verdadeiramente com ele, pois tinha um rosto constantemente alegre, doce e afável”.  [Outro biógrafo] reflecte a qualidade contagiante deste traço, [escreveu que] inspirava alegria a todos aqueles que o encaravam.  (…)
Como não há oração mais meritória para a alma e mais gloriosa para Jesus e Maria que o Rosário bem rezado, também não há oração que seja mais difícil de rezar bem e na qual seja mais difícil perseverar. (…)
Esta corrente, que pode exercer entre os cristãos desorientados e escandalizados uma certa atracção, pretende ser uma reacção à heresia do modernismo, mas acaba por cair também ela num erro evidente e gerar uma situação caótica na Igreja. (…)
Aos meus Pais, por me terem dado a Páscoa Jesus, Filho de David, tem piedade de mim, que sou um pecador!   A Lua cheia daquela noite – era a véspera do 14 de Nissan – não deixava que me (…)
A caridade durará para sempre, mesmo quando a fé tiver desaparecido para dar lugar à visão e quando à esperança suceder a possessão — sem fim — de Deus conhecido claramente. (…)
Porém, nós, católicos, cremos que o Papa é o sucessor de Pedro e possui autoridade suprema e infalível sobre a Igreja. Cremos não por intuição própria ou superstição irracional, mas porque o próprio Deus o revelou. (…)
Pois a Beleza é a auto-estrada directa ao coração do Homem, que, sem palavras nem explicações, mas apenas com o desafio da sua presença, imprime no seu coração o destino onde se encontram as infinitas Bondade e Verdade — o (…)